Unidade Vila Mariana (11) 2275-2516/2276-2835

Unidade Moema (11) 2738-1700/2738-1900

Blog

02 jul

Como lidar com o idoso teimoso – Parte I

por nossacasa

É muito comum ouvirmos queixas de familiares que cuidam de idosos de que “eles são muito teimosos”, “meu pai é muito teimoso”, “minha mãe é muito teimosa”, “que idoso teimoso!” e por aí vai. Porém acredito que a teimosia só acontece numa relação onde há disputa de poder.

Como lidar com o idoso teimoso

Teimar significa ir contra. E se é isto que o idoso faz na hora de tomar um banho ou ficar de frente para algo que você oferece e que ela não deseja… pode ser que o teimoso seja você.

Já parou para pensar?

Pensando na personalidade de um indivíduo idoso
As pessoas acima dos 40 tendem a pensar sobre como será os 60 com uma certa expectativa e certo medo do “que será que vem pela frente”.

As pessoas acima dos 60 querem fazer de tudo para aproveitar a vida, pois acham que a morte está perto.

A pessoa acima dos 80 anos tem certeza que a morte está perto e daí… podem tender a defender a vida com unhas e dentes, caso ainda não tenham aceitado o limite do tempo.

Então observo e imagino que uma pessoa idosa por experiência e tempo de vida representará uma imagem maior em relação a qualquer outro ser mais novo. Onde quero chegar? Naquela famosa frase que muitos falam: ” você me respeita que tenho idade pra ser sua avó”.

E isso… é memória profunda, que uma demência custa para “pegar”!

Como lidar com a teimosia do idoso
Aceite que, mesmo dependente, ele é mais experiente e mais velho do que você!

Reavalie junto ao geriatra a medicação (tipo, doses, frequência…).

No momento da teimosia, interrompa a oferta de cuidados, observe/analise qual fator existente que possa estar provocando esta resistência (vide lista acima).

Sempre que possível, esclareça para o idoso a importância do que você está oferecendo, a fim de garantir-lhe mais bem estar.

Valorize os pequenos sucessos demonstrados pelo idoso, devolvendo assim, uma energia saudável pela sua autoestima e uma relação mais harmoniosa.

Cuidados na hora da “teimosia”
• Evite falar demais para que nem um dos dois (você e o idoso) fiquem com dor de cabeça, o que pode ser muito ruim (além de facilitar os riscos para AVC, ataque cardíaco ou falta de ar).

• Ceda primeiro e deixe o idoso refletindo ou se acalmando por um tempo. Evite remorsos ou chateações por pouco.

• Evite oferecer algo para comer ou beber caso o idoso esteja com raiva (pois ele pode engasgar).

• Evite ter objetos em mãos (tanto nas suas quanto nas do idoso) enquanto os “esbarrões” acontecem entre vocês.

• Não fale que ele está errado ou que ele é teimoso, evite se desgastar pois a personalidade envelhecida tende a se tornar rígida, ainda mais caso não tenha existido preparo prévio para “se envelhecer” (as gerações mais antigas nem pensavam nisso).

• Evite discutir com um idoso com dificuldade de equilíbrio, se ele estiver de pé. Uma queda é fácil de acontecer devido o limiar de atenção que baixa em momentos de tensão.

 

Fonte: A Terceira Idade